Cuiabá, Destaques, Geral, Mato-grossense, Notícias, União | Publicado em 23 de março de 2017 | Zé Côca

União perde a primeira, Cuiabá 3 a 0 em pleno Luthero com bom público.

whatsapp_image_2017-02-22_at_20.47.47União e Cuiabá se enfrentaram na noite desta quarta no estádio Luthero Lopes, em jogo adiado pela segunda rodada do estadual. Partida esta esperada com grande expectativa pelo torcedor Colorado, na esperança de conseguir logo sua classificação para as semi finais do presente campeonato. Parecia tão próximo esse pontinho que daria o direito de jogar uma semi e automaticamente já a classificação para a Série D do campeonato brasileiro/2018.

Já era esperado jogo de bastante dificuldade para o time comandado pelo técnico Izazé. Por se tratar de uma equipe bem estruturada, com um plantel experiente, equipe de série C, que manteve uma boa base do time do ano ano passado e ainda se reforçou com jogadores rodados de boa técnica, claro que não seria fácil vencer esta partida.

Apesar do União ainda estar invicto na competição e estar jogando um bom futebol, faltava uma partida contra um time melhor qualificado, quando enfrentou sentiu muitas dificuldades. Para o nível do nosso futebol Cuiabá e Luverdense são disparados os melhores em todos os quesitos. Vimos ontem em campo um time terminar a partida inteiro o (Cuiabá) e outro cansado, desgastados, pedindo que o jogo acabasse, para melhor se preparar para o próximo compromisso contra o mesmo Dourado na Arena Pantanal.

Nesta partida os dois times começaram se estudando, ninguém agredia, ambos quando tinham a bola caprichavam para não perdê-la. Aos poucos o jogo foi tomando outra dimensão e o União partiu em busca de abrir o marcador, esteve perto por diversas vezes, com Calado, Biro, Valdir, e o goleiro Henal pegando tudo e fazendo a maior cera do mundo desde o inicio da partida.

Até aos 35 min. o União foi melhor, pena que não converteu as oportunidades criadas. Para tristeza dos torcedores aos 40 minutos após uma falta do lado esquerdo do ataque do Cuiabá, que por sinal não existiu. Richard bateu e marcou numa falha do goleiro do União Rubens. O time sentiu o gol e em outra descida do Cuiabá numa falha da defensiva do vermelhinho da entrada da área Léo Salino bateu no canto fazendo 2 a 0 Cuiabá. Assim terminou a primeira etapa.

Para o segundo tempo esperava-se um União mordendo, disposto a buscar pelo menos o empate. O que se viu foi um Cuiabá ditando o ritmo do jogo, tocando a bola com tranquilidade, fazendo o União correr se desgastar e nada produzir.  Aos 37 minutos novamente Léo Salino balançou as redes coloradas pela segunda vez, dando números finais ao jogo Cuiabá 3 a 0. As substituições realizadas pelo técnico do União não surtiram efeitos, nada melhorou, e o time visitante foi absoluto durante todo segundo tempo.

O Cuiabá foi e é superior tecnicamente, time experiente possui valores individuais interessantes, como: Goleiro Henal –  Além de pegar muito é catimbeiro, fez o que quis ontem com o árbitro da partida que aplicou o cartão amarelo e mesmo assim  continuou fazendo do mesmo jeito e ficou por isso mesmo. Robinho – habilidoso, veloz e de grande movimentação. Também o zagueiro Everton e o atacante Juba.

No União poucos se salvaram- Júnior Gaúcho; Kauan, Calado enquanto teve pernas; Everton Biro o melhor do jogo pelo União, não deveria ter sido substituído. O lateral Willian tem grande velocidade, precisa melhorar os cruzamentos e o artilheiro Papel não viu a cor da bola. A derrota não deve abalar os jogadores e comissão técnica pois, o time tem totais condições de classificação. Temos que torcer no domingo para que o Cuiabá vença o Dom Bosco, se não vencer ou empatar, é buscar o empate na quarta-feira em Cuiabá.



Deixe seu comentário

Os comentários neste espaço não refletem a opiniáo do site Futebol Matogrossense e é de responsabilidade do leitor. Não serão publicados comentários considerados ofensivos ou que use de linguagem inadequada.